Chaves

O Caminho no concelho de Chaves

Freguesias atravessadas

Oura; Vidago; Selhariz, Vilas Boas, Vilela do Tâmega; São Pedro de Agostém; Samaiões; Madalena; Santa Maria Maior; Santa Cruz/ Trindade; Outeiro Seco; Vilarelho da Raia.

O concelho de Chaves desenvolve-se ao longo do vale do rio Tâmega, abrangendo uma superfície territorial de 591,32 Km2 distribuída por 51 freguesias. Tem como núcleos urbanos mais importantes a vila de Vidago e a cidade de Chaves, sede de concelho, que engloba 8 freguesias, das quais apenas uma totalmente urbana.

O vale de Chaves encerra várias riquezas que não foram alheias a diversas civilizações, nomeadamente à civilização romana. De ocupação tardia muitos são os vestígios e testemunhos arqueológicos, principalmente da Idade do Ferro, que compõem a exposição do Museu da Região Flaviense, atestando a importância estratégica que este vale possuía para os povos que fizeram desta zona o seu local de assentamento. Zona rica em solos férteis, águas quentes e principalmente, um abastado couto mineiro, fizeram desta região um ponto convergente de várias vias romanas que aqui se entrecruzavam, a XVII via, que ligava Asturica Augusta (atual Astorga em Espanha) a Bracara Augusta.
Característica marcante da região é a abundante diversidade de vegetação profundamente relacionada com a ocupação humana e a sua atividade. Foram já identificadas na região abundantes variedades de espécies vegetais. Os bosques de folhosas são a base ancestral da vegetação local, com inúmeras espécies companheiras, arbustivas e herbáceas.

 

 

 

 

 

Chaves

 


Ver Concelhio – CHAVES num mapa maior